Mãe pede ajuda para consulta de R$ 1,5 mil

João Pedro ainda é muito pequeno, tem apenas 1 ano e 11 meses, mas já pode ser considerado um verdadeiro guerreiro! Não aquele mencionado em séries, telenovelas ou filmes, porém, um lutador e vencedor da vida real. O seu nome traz consigo significados fortes e imponentes, “Rocha protegida por Deus”, “Rocha abençoada por Deus”, ou ainda, “Agraciado por Deus feito uma rocha”. Talvez seja por isso que o bebê supera os muitos desafios do seu dia a dia. Ele nasceu em Laguna, prematuro, no dia 25 de novembro de 2014, alimentou-se por um mês com o leite materno, passou a ingerir três tipos de fórmulas, teve diversas feridas pelo corpo, a barriga sempre elevada, vivia resfriado e tem dificuldades para ganhar peso. “Temos recorrido a diversos pediatras. O que sabemos é que meu filho tem alergia à proteína do leite de vaca (ALPV). Atualmente, ele utiliza duas fórmulas para se alimentar, mas com quase 2 anos não passa de nove quilos. João Pedro tem um quadro de desnutrição e falta de cálcio no corpo”, detalha a mãe, Zeli Assunção.??Assim como o pequeno Bernardo Knabben Dozol, de Tubarão, que foi avaliado em maio deste ano pelo médico especialista do Rio de Janeiro, Aderbal Sabra, a esperança é que o diagnóstico seja descoberto em uma consulta com o o mesmo especialista no próximo dia 16, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. “O dr. Sabra viaja pelas capitais e realiza algumas consultas. Como ele ajudou no diagnóstico de outra criança da região estamos esperançosos para que ele nos ajude no caso do João Pedro. Quando ele tinha 1 ano e 5 meses, ficou durante 30 dias com vômitos e diarreia. Além das fórmulas, alimentou-se de arroz e frango, entretanto, por ter apenas 5 dentes, a comida tem que ser pastosa”, relata Zeli. Para a consulta com o médico, em Porto Alegre, a família precisa da colaboração das pessoas, uma vez que a avaliação sai por R$ 1,5 mil. “Estamos comercializando camisetas no valor de R$ 25,00 cada para alcançar o montante da consulta. No início do mês, fizemos um pedágio beneficente e, no fim de outubro um almoço para arrecadar dinheiro para comprar as fórmulas que ele precisa”, conta a mãe, que pede encarecidamente a ajuda dos leitores.

Como colaborar Para quem pretende ajudar o menino, basta entrar em contato por meio do telefone (48) 99857-2771, 98418795 (Zeli) ou por meio da conta: Banco do Brasil: Agência 0345-0, variação 51, conta corrente 26355-9. João Pedro Assunção de Oliveira.

Fonte: Notisul

Imagem: Arquivo da Família 

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: falecom@meusul.com.br

Newsletter