600 ciclistas participam de manifestação

Alivia a dor, alivia a pressa, alivia o estresse de motoristas afobados, alivia qualquer tipo de rancor de quem utiliza o trânsito, alivia, mesmo que por alguns minutos, mesmo que por um trajeto de seis quilômetros… Respeito… um dia tudo alivia. Assim, com um pedido de paz entre motoristas, motociclistas, pedestres e principalmente ciclistas, cerca de 600 pessoas de vários municípios do Sul de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, todos de bikes, participaram de um dos maiores atos de protesto contra acidente envolvendo bicicleta já realizado na região nesse sábado. O grande motivo da manifestação, além de um singelo pedido de atenção aos ciclistas, foi a perda do empresário conhecido como Alivia, Douglas Jung, 36 anos. Ele morreu há exatamente uma semana, no início da SC-370, ainda no bairro Humaitá, em Tubarão, quando um motoqueiro bêbado o atropelou e o jogou para debaixo da roda do dianteiro direito de um caminhão.

Crimes desta natureza parecem não ter punição no Brasil. O autor do homicídio culposo (o qual poderia ser enquadrado como doloso), de 46 anos, está solto.

Chegou a ser preso, ficou menos de 24 horas, pagou fiança e hoje pode ‘curtir’ sua vida talvez em mais algum bar, com mais um copo de cerveja, e talvez se preparando para novamente pegar o trânsito.

“Nosso foco com este movimento é alertar, prevenir, pedir sempre o respeito um com o outro. Ciclistas, motociclistas, caminhoneiros, enfim, todos podem conviver em harmonia, todos têm o seu espaço”, orienta o amigo de Alivia e colega de ciclismo, Thiago Deodato Pereira.
João Luiz de Souza da Silva, de Passo de Torres, pedalou 120 quilômetros até Tubarão para apoiar o protesto. “Não é difícil conviver em harmonia no trânsito, basta que a educação sempre pondere”, resume.

O grupo pedalou até o local onde Alivia morreu. Lá, os manifestantes instalaram uma ghost bike (tipo de memorial). Quatrocentos e trinta camisetas com a palavra “luto” foram confeccionadas e vendidas. O dinheiro será utilizado para que outdoors de conscientização no tráfego sejam instalados pelas principais rodovias da região.

Instalação de ciclovia é cobrada na SC-370
“A morte do nosso amigo Alivia nos causou uma dor imensurável, e não podemos deixar que outras vidas se vão por imprudência e irresponsabilidade. Você motorista, saiba que em cima da bike vai uma vida, um homem ou uma mulher que só quer viver”, afirmou o ciclista Thiago Deodato Pereira, que comandava a ação. Com o auxílio de um microfone gritava a frase falada por Douglas durante seus passeios: “Daew brothers, Oooohww!”.

Além da homenagem, os manifestantes pretendem cobrar das autoridades maior agilidade no projeto de revitalização da rodovia SC-370 que apresenta a instalação de ciclovias no trecho. “Essa semana estaremos em reunião com dois deputados no qual um informou que já existe um projeto de mudança de toda a rodovia que liga Tubarão a São Ludgero, e o outro disse que não, mas está disposto a ajudar a fazer o projeto com ciclovias. Vamos fazer um abaixo-assinado solicitando agilidade na execução dessa obra”, dispara Thiago.

O projeto de restauração do trecho entre Tubarão e São Ludgero já foi estudado pelo Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra). Entre as mudanças apresentadas no esboço do projeto estão a instalação de quatro trevos alemães ao longo da SC-370, ciclovias, passeios de pedestres na comunidade de Travessão, em Braço do Norte, e organização do acesso à rodovia com pontos de interseção. Sinalização e outras mudanças para o trajeto de mais de 30 quilômetros ainda continuam só no “papel”.

Manifestantes cobram celeridade na instalação de ciclovias no trecho que liga Tubarão a São Ludgero  -  Foto:Fábio Maurício/Divulgação/Notisul
 
Fonte: Notisul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: falecom@meusul.com.br

Newsletter