Fruto Proibido? Que nada!

Há muito tempo a maçã vem provando que não é uma simples fruta. Ela foi inspiração do físico e matemático inglês Isaac Newton em sua lei da gravidade, o fruto proibido de Adão e Eva e a culpada do sono profundo da Branca de Neve. Sem contar as histórias que não se tornam assim tão públicas. O fato é que, desde sempre, ela desempenha um papel muito importante, o de grande aliada da saúde.

Estudos já provaram que o consumo regular, de uma maçã por dia, ajuda a manter o peso, protege de doenças cardiovasculares, regula os níveis de colesterol, diminui os riscos de contrair diabetes, melhora a função digestiva e respiratória e previne alguns tipos de câncer. Com a ajuda da nutricionista Denise Preis, Meu SUL lista, abaixo, os muitos benefícios dessa poderosa fruta.

Boca e dentes

O consumo da fruta estimula a produção de saliva, o que reduz o nível de bactérias na boca e diminui o risco de cárie. “Quem tem problemas de má cicatrização, equimoses e sangramento das gengivas também pode melhorar este quadro comendo maçã”, explica a nutricionista.

Memória

A fisetina, flavonóide presente na maçã, de acordo com pesquisa feita no Instituto Salk de Estudos Biológicos, dos Estados Unidos, estimula mecanismos do cérebro que melhoram a memória.

Alzheimer

A fruta contém quercetina, um poderoso antioxidante que protege as células do cérebro da degenração. O suco da maçã diminui os riscos de Alzheimer por diminuir os efeitos do envelhecimento no cérebro.

Energético natural

Por ser rica em substâncias antioxidantes e fitonutrientes, e graças a seu baixo índice glicêmico, a fruta serve como combustível de longa duração para o cérebro. “Comer uma maçã é mais eficiente que tomar café para se manter acordado”, afirma Denise.

Diabetes

Rica em pectina, uma fibra solúvel, a maçã auxilia no controle de glicemia, o que diminui as chances de desenvolver diabetes tipo 2.

Colesterol

A pectina, presente na maçã, contém ácido galacturônico que absorve água formando um gel ao qual se ligam minerais, lipídios e ácidos biliares, aumentando a excreção de cada um, o que diminui a concentração do colesterol.

Pressão alta

As maçãs são ricas em potássio, um mineral que ajuda a controlar a pressão arterial e ajuda a reduzir o risco de Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Coração

A fruta ajuda a retardar o processo de oxidação, que está diretamente envolvido no acúmulo de placa bacteriana que leva a doenças cardíacas.

Fígado

Auxilia na desintoxicação do fígado, órgão responsável por limpar as toxinas presentes no corpo.

Respiração

“A maçã possui antioxidantes que ajudam a melhorar a capacidade respiratória e ainda protegem os pulmões”, informa a nutricionista. Uma pesquisa feita pela Universidade de Nottingham, da Inglaterra, mostrou que as pessoas que comem cinco maçãs ou mais por semana têm menos problemas respiratórios, incluindo asma. A fruta ainda possui uma propriedade adstringente que auxilia a garganta e as cordas vocais.

Estômago

Os agentes cicatrizantes presentes na fruta ajudam os que sofrem de problemas como azia, úlcera e gastrite, além de auxiliar no funcionamento do intestino. “A fruta age beneficamente na mucosa do sistema digestivo”.

Câncer e envelhecimento

Rica em taninos e flavonóides, fitonutrientes que agem como antioxidantes, adstringentes e antiinflamatórios, a fruta ajuda na prevenção do envelhecimento precoce. Os flavonóides também auxiliam em doenças cardiovasculares. “A maçã também possui componentes que ajudam na prevenção do câncer de cólon, de mama e de próstata.

Saciedade

Para quem quer começar uma dieta, a maçã é indispensável. A fruta possui fibras que ajudam a dar a sensação de saciedade. A casca possui fibras insolúveis que não são digeridas e ficam no estômago por mais tempo. A fruta ainda reduz a vontade de comer chocolates e doces.

Importante!

Segundo a nutricionista Denise Preis, é preciso cuidado na hora de escolher a fruta. “Por ser uma fruta vulnerável a ação de laras, vermes e outros insetos, ela recebe pesticidas. Por isso, é recomendado lavar bem a fruta antes de comê-la e sempre que possível evitar as maçãs muito brilhosas, pois estas contém uma cera que pode impedir a remoção dos resíduos de pesticida”explica. Vale lembrar que a fruta perde muito de seus benefícios ao ser descascada, por isso, prefira comê-la com casca sempre que possível.  

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: falecom@meusul.com.br

Newsletter