Limite de velocidade continua em 60 km/h no Morro do Formigão


O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT/SC) lembra, aos usuários da BR-101 Sul, que a velocidade limite na transposição do Rio Tubarão e Morro do Formigão continua em 60 km/h. Mesmo com boa parte das pistas entre km 337 ao km 339, liberadas em quatro faixas – duas para cada sentido de tráfego, a concentração de obras, equipamentos e trabalhadores requer a manutenção do limite para todos os tipos de veículos. 

Para os usuários que trafegam no sentido Porto Alegre-Florianópolis, a redução de velocidade começa antes da ponte do Rio Corrêas e se estende até o viaduto de acesso ao Morrotes. Já no sentido oposto, após o viaduto do km 336 (Morrotes), até o km 339,5 – ligação entre o trecho liberado anteriormente e o novo trecho duplicado, o limite permanece em 60 km/h. 

Todo o segmento aloca varias frentes de trabalhos com circulação de pessoas e maquinário. Para os usuários em circulação, a sinalização provisória de obras indica a limitação fixada para a velocidade máxima. 

Cuidados maiores no km 337,4 – Os trabalhos de duplicação na BR-101 estão mais concentrados no km 337,4, nos acessos à SC-390 e cabeceiras na nova ponte sobre o Rio Tubarão. Lá, os trabalhos são mais próximos do fluxo de veículos, requerendo maior atenção dos motoristas. 

Além dos trabalhos, os usuários devem atentar para mudanças em duas alças de desincorporação (saída de pistas e entrada em vias laterais). Na terça-feira passada, o DNIT/SC liberou o acesso ao bairro Morrotes, pela alça lateral construída no km 336,8 da BR-101 – lado esquerdo, que estava interrompida para construção de pistas. 

Já os moradores do bairro Cruzeiro, lindeiros ao km 339 não terão temporariamente o acesso pela rua Marechal Deodoro partindo da rodovia federal. Por conta dos trabalhos para construção da pista inferior sobre o viaduto erguido neste trecho, a alça lateral paralela ao sentido Sul-Norte está interrompida. Para acesso ao bairro é necessária a entrada e saída pela comunidade de Fábio Silva. 
 

Foto: Divulgação

Fonte: DNIT/SC

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: falecom@meusul.com.br

Newsletter