Região tem saldo positivo na geração de empregos

Na região, 13 municípios tiveram mais contratações que desligamentos, segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). Os dados são referentes a abril e foram divulgados na sexta-feira. No mês anterior, referente a março, apenas oito cidades tiveram resultados positivos.  
Entre as cidades que tiveram mais empregos que desempregos estão Armazém, com saldo de 26 empregos formais; Braço do Norte (44); Gravatal (30); Imaruí (2); Imbituba (1); Jaguaruna (31); Orleans (30); Pedras Grandes (7); Rio Fortuna (1); Sangão (26); São Ludgero (12); São Martinho (8) e Treze de Maio (53).
Braço do Norte, por exemplo, teve 485 admissões em abril, sendo que foram demitidos 441, fechando o saldo do mês com 44 empregos formais registrados.  Imbituba fechou o período com resultado positivo de um emprego gerado, sendo que teve 384 admissões e 383 desligamentos. 
Ao contrário dos últimos três meses, em que Tubarão registrou números positivos na geração de empregos formais, em abril os dados demonstram resultados negativos. Na Cidade Azul, foram registradas 1.481 admissões e 1.957 demissões, com um saldo de -476 empregos gerados. No mês anterior, o município havia gerado 244 empregos a mais com carteira assinada que demissões.
Capivari de Baixo também registrou números negativos. No período, foram 121 empregos gerados contra 134 demissões, resultando num saldo de -13, assim como Garopaba, que teve saldo de -109; Grão-Pará (-18); e Laguna (-5). Santa Rosa de Lima, por sua vez, teve saldo zerado, ou seja, em abril registrou seis admissões e seis demissões.

Santa Catarina está entre os estados que mais geraram emprego em abril
De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pelo Ministério do Trabalho nesta sexta-feira, Santa Catarina está entre os estados com maior saldo de empregos em abril, com 5.322 postos de trabalho formais. 
O saldo resultou da diferença entre 82.502 admissões contra 77.180 desligamentos no período. Os dados de abril deste ano indicam uma recuperação em relação ao mesmo período do ano passado, quando o saldo foi de 1.839 vínculos com carteira assinada.
“Esses números demonstram que a economia de Santa Catarina tem força e que os catarinenses têm espírito empreendedor”, lembra a secretária de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação (SST) Romanna Remor.  
O desempenho positivo pode ser observado nos setores de serviços (3.418); construção civil (1.287) e indústria da transformação (1.250). O que impulsionou o setor de serviços, por exemplo, foi o incremento no comércio, transporte e ensino. Dentre os municípios com mais de 30 mil habitantes, Joinville (1.270); São José (803); Blumenau (677); Chapecó (651) e Jaraguá do Sul (417) se destacaram na geração de empregos no Estado.
“Os dados indicam que os oito setores da economia no país tiveram expansão. E esse é um indicativo importante, porque o Estado está acompanhando a recuperação das demais unidades da federação”, destaca o diretor de Trabalho, Emprego e Renda Thales Sander Piovesan.
Os maiores saldos de emprego ocorreram em São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Goiás e Rio de Janeiro.

Fonte: Jornal Diário do Sul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter