Ginásio lotado na abertura da 4ª Copa Cidade de São Ludgero – Taça Grupo Copobras

O frio foi substituído pelo calor humano, muita alegria e momentos de emoção. Assim foi a abertura da 4ª Copa Cidade de São Ludgero – taça Grupo Copobras, realizada no sábado, 6 de julho, com o Ginásio Municipal Lino Philippi lotado de atletas, familiares e dirigentes.

Grêmio, Juventude, Chapecoense, Palmeiras, Cruzeiro, São Paulo, Avai, Corinthians, Goiás Esporte Clube, Roma Academy, Escola Futebol do Grêmio, Red Bull Brasil, E.C.N.H, Londrina, Paraná, Criciúma, Escola Xoxo 10,  A. E. Ubaense, Escola Futebol Grêmio Balneário Camburiú, Sport Juiz de Fora, Francis IAFA, Maccari FC, Ernestina F.C., Inter de Lages, União Jovem Cristã, EFGBB, Clube de Campo Tubarão, CME de São Ludgero, Real Brazil Academy e Hercílio Luz/Craques do Amanhã estão na disputa este ano.

Na ocasião, o idealizador do projeto, que é professor da Escolinha Municipal de Futebol de Campo, Rodrigo Carbone, não conteve a emoção de ver a competição crescer a cada edição em número de participantes e manter a qualidade em relação ao acolhimento, desde alojamento, alimentação e estádios disponibilizados. “É preciso agradecer a todos que, direta e indiretamente, estão envolvidos e dando o suporte necessário para que mais uma edição aconteça com êxito, bem como todos os clubes pela confiança por parte dos dirigentes confirmando participação. Somente com o apoio de muitas pessoas, comércio, indústria, entidades, comunidades e setor público, através da Prefeitura Municipal, CME, o apoio dos Vereadores, está sendo possível realizar mais uma edição do evento”, declarou.

A cerimônia contou com a apresentação das equipes, o Hino Nacional Brasileiro foi cantado e o atleta Raul De Bona fez a leitura do juramento dos atletas com participação de todos. Na ocasião, também, representantes da equipe do Sport Clube de Juiz de Fora, em nome de todos os clubes, fez uma homenagem especial ao professor Rodrigo Carbone.

Para o prefeito de São Ludgero, Ibaneis Lembeck, o Iba, o incentivo para que a competição aconteça é uma forma do setor público contribuir para que as crianças e adolescentes de hoje sejam cidadãos de bem no futuro. “É uma alegria para São Ludgero ser sede de uma competição que cresce a cada ano, oportunizando revelar muitos talentos do futebol brasileiro. Aproveito para parabenizar o professor Carbone pela dedicação e também agradecer o empenho de todos que estão trabalhando para que tudo aconteça dentro do planejado. Isso demonstra que a Copa Cidade São Ludgero já é vitrine para atletas e observatório para olheiros e empresários do futebol”, pontuou.

Para realização da 4ª Copa Cidade de São Ludgero estão sendo utilizados como alojamento escolas da Rede Municipal e Rede Estadual de Ensino (CEI Divina Providência, CEI Dom Gregório Warmeling, CEI Menino Deus, CE Professor Henrique Buss, EEB São Ludgero e EEB Bom Retiro), a Escola Especial da Apae, Associação da AFAI, Centro Cultural Multiuso Dimas Schlickmann, Sede Social da SER São Ludgero e Unibave (Orleans).

Os Estádios onde acontecerão as disputas em São Ludgero serão o do Bom Retiro, Municipal, Reinaldão, Mar Grosso e Ponte Baixa. Já em Braço do Norte será o Estádio do Rio Bonito e em Orleans o da Taipa e o Osmundino Mateus.

O Congresso Técnico foi realizado no Auditório Danilo Niehues na Sede Administrativa da Cooperativa de Eletricidade de São Ludgero (Cegero), a Central Organizadora será no Ginásio Municipal Lino Philippi e a alimentação de atletas e dirigentes acontece na Sede Social da Associação Cegero.

As disputas iniciaram no domingo, 7 de julho, e vão até sábado, 13 de julho. Ao todo são 52 equipes disputando a competição, sendo 26 no Sub 11 e 26 no Sub 13. A movimentação na Cidade dos Esportes é de 1040 atletas que sonham em seguir carreira no Futebol de Campo. A realização da competição é resultado de uma parceria entre a Prefeitura Municipal de São Ludgero, através da Comissão Municipal de Esportes (CME), com a Liga Amadora Verde Vale de Futebol (LAVVF) e vários patrocinadores.

Em 2016, na primeira edição, o Grêmio foi campeão no Sub 11 com o Avai ficando com o segundo lugar. Já no Sub 13, o Grêmio foi o campeão e o Criciúma o vice. No ano de 2017, na segunda edição, na Série Ouro o Grêmio foi campeão no Sub 11 e o Juventude vice. No Sub 13 o Palmeiras foi campeão e o Grêmio vice. Na Série Prata, no Sub 11 o campeão foi o Clube de Campo Tubarão e o vice Francis IAFA. No Sub 13, o campeão A. D. Jaguaruna e Maccari F. C. o vice. E, em 2018, pela Série Ouro no Sub 11 foi campeão o Grêmio e vice o Corinthians. No Sub 13, o Grêmio foi campeão e o Cruzeiro foi vice. Pela Série Prata, o Criciúma foi campeão e Francis IAFA vice. Pelo Sub 13, o campeão foi Criciúma e o vice CME de São Ludgero.

 

Fonte: ASCOM

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter