Em audiência da Alesc, Lauro Müller e municípios da região se unem contra ampliação do Parque de São Joaquim

A noite dessa quinta-feira (27) entra para história do município de Lauro Müller, que sediou audiência pública da Assembleia Legislativa de Santa Catariana – Alesc para discutir sobre os reflexos da inclusão de áreas territoriais do município de Lauro Müller e região na ampliação do Parque Nacional de São Joaquim.

 

Cerca de mil pessoas compareceram ao Salão de Festas da Igreja Matriz e defenderam de forma unânime e com muito fervor que seja incluída a Emenda Parlamentar que determina que Lauro Müller e outros municípios da região não sejam inseridos na ampliação do parque.

 

A audiência foi coordenada pelo propositor, deputado João Amin, em requerimento aprovado pela Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano. “Foi muito positivo este encontro. No período em que estou como deputado, nunca participei de uma audiência com tanta participação popular. Nós, enquanto Assembleia Legislativa, não poderíamos nos omitir de estar presentes aqui em uma  noite como essa para ouvir o anseio das pessoas”, registrou João Amin, mencionando também os deputados estaduais Cleiton Salvaro, José Nei Ascari  e o deputado federal Ronaldo Benedet, que também prestigiavam a audiência.

Após abertura da sessão, o prefeito de Lauro Müller,  Valdir Fontanella, deu as boas vindas e em nome dos prefeitos presentes defendeu os interesses dos municípios da região. Ele afirmou que enquanto estiver a frente do município lutará incansavelmente para que Lauro Müller não perca nenhuma área de terra.

 

“Esta é uma oportunidade impar que nossa população teve para reafirmar que somos contra a inclusão de áreas de terra de Lauro Muller no Parque de São Joaquim. Nossa cidade jamais poderá aceitar perder o domínio de um dos nossos bens mais precioso, que é a Serra do Rio do Rastro, conhecida nacional e internacionalmente”, afirmou Fontanella.

 

Também estiveram presentes na audiência os prefeitos de Grão Pará, Marcio Borba Blasius, e de Bom Jardim da Serra, Serginho de Oliveira, que também se manifestaram contrários a expansão do parque, que é uma área de responsabilidade da administração do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade – ICMBio.

 

O Poder Legislativo de Lauro Müller foi representado na ocasião pelo vereador presidente, José Cambruzzi,e pelo vereador Anderson Antonio Bez Batti, autor da solicitação da audiência para discutir o assunto no município.

 

Dezenas de manifestações contrárias à expansão do parque foram apresentadas por moradores de Lauro Müller, Bom Jardim da Serra e Urubici. Entre os depoimentos estavam dos líderes do movimento Claúdio Lottin e Paulo César Freiberger, que apresentaram os reflexos negativos que o parque causaria  se viesse sobrepor os municípios da região.

 

O depoimento do morador de Bom Jardim da Serra, Leandro da Silva, foi bastante importante na audiência. Ele falou dos inúmeros prejuízos já causados pelo Parque de São Joaquim, tanto para o município de Bom Jardim como de Urubici, que atualmente já possuem áreas gerenciadas pelo ICMBio e que nada tem contribuído com estes município, pelo contrário, tem causado prejuízos com as inúmeras restrições impostas.

 

Mesmo com grande pressão popular existente no local, o analista ambiental e chefe do Parque de São Joaquim, Paulo Santi, representando o ICMBio, procurou justificar o motivo do grande interesse na ampliação do parque. “A Coordenadoria de Criação de Unidade e diretoria do ICMbio juntamente com Ministério do Meio Ambiente trabalharam para conciliar um traçado viável para os aspecto de conservação da biodiversidade, aliado ao turismo responsável e educação ambiental”, disse Santi, acrescentando que não há por parte do ICMBio interesse na administração da Serra do Rio do Rastro, pois o órgão já cuida de outros locais voltados para turistas.

 

Conforme o deputado João Amim, todo material coletado durante a audiência será encaminhando formalmente para o Fórum Parlamentar Catarinense em Brasília, que defenda que seja mantida a Emenda Parlamentar que está na Medida Provisória 756, atendendo as solicitações da comunidade de todos os municípios atingidos pela ampliação do parque, agora com posição oficial da Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

Fonte: Sul in Foco

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter