Dois morrem ao cair em tanque

Dois jovens faleceram na manhã de ontem, em Laguna, vítimas de um acidente de trabalho. Bruno Rosa Santana e outro trabalhador não resistiram após caírem em um tanque de uma empresa de farinha e óleo de peixe situada no bairro Caputera. Eles realizavam a limpeza do espaço.

Um terceiro trabalhador foi resgatado com vida, reanimado e encaminhado ao hospital. De acordo com o Corpo de Bombeiros de Laguna, o primeiro chamado de resgate foi por volta das 11h35. Ao chegarem ao local, se depararam com um dos trabalhadores submerso até o tórax e desacordado. Com auxílio de um cabo e uma retroescavadeira, ele foi içado até a superfície.

“Ele apresentava uma parada cardiorrespiratória e foi reanimado. Em seguida, encaminhado ao hospital de Laguna. Posteriormente, foi transferido para o Hospital Nossa Senhora da Conceição de Tubarão”, informa o sargento Roberto Bonelli. O estado de saúde do sobrevivente não foi informado.

No acidente, segundo os bombeiros, os três homens realizavam a limpeza do fosso (onde eram depositados os resíduos de peixe). “O fosso é uma caixa com diâmetro pequeno e uma profundidade de cinco metros. Ele estava com 1,5 metro de resíduo quando eles caíram”, explica o sargento Bonelli. 

O local, segundo os bombeiros, continha restos de pescados. É um espaço confinado com gases como metano, oriundos da decomposição de material orgânico.

A reportagem do Diário do Sul entrou em contato com a empresa onde aconteceu o acidente, porém as ligações não foram atendidas.

Resgate durou quase quatro horas

Por se tratar de um espaço com pouco oxigênio, os bombeiros acreditam que os trabalhadores acabaram desmaiando. “Com isso, acabaram caindo dentro do tanque, um após o outro. O terceiro sobreviveu porque ficou com o tórax para fora”, informa o sargento. 

Ainda segundo os bombeiros, devido à baixa concentração de oxigênio os homens perderam a consciência e afundaram nos restos de pescados. As guarnições do Corpo de Bombeiros Militar de Laguna conseguiram resgatar um deles, efetuar a reanimação e deixá-lo aos cuidados médicos no hospital de Laguna.

Com a retirada do sobrevivente, e já confirmados os dois óbitos, cerca de dez bombeiros iniciaram a retirada dos corpos. “Era um espaço bastante liso, por conta do óleo dos peixes, e também sem oxigênio. Foram horas de trabalho para conseguir a retirada e resguardar a vida de quem estava no serviço”, diz o sargento. 

Após a retirada dos cadáveres, estes foram recolhidos pelo Instituto Médico-Legal (IML) de Tubarão.

Informações e foto: Diário do Sul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter