Ministério Público denuncia assassinos de jovem, em Orleans

O Ministério Público de Santa Catarina denunciou os dois jovens, ambos de 25 anos, pelo homicídio de Robson Ribeiro Laurindo, mais conhecido como Bob, de 28 anos, durante a madrugada do dia 6 de maio, em frente a uma casa noturna, em Orleans.

Eles deverão ser julgados por homicídio qualificado, motivo fútil e porte ilegal de arma de fogo. A dupla está no Presídio Santa Augusta, em Criciúma. O pai de um deles também foi denunciado por porte ilegal de arma de fogo.

Após brigar com um amigo da vítima no interior da casa noturna, os autores foram retirados do local e saíram de Orleans em um veículo Audi em direção a Braço do Norte para buscar o revólver calibre .38, retornando em seguida ao local do evento. Bob não estava neste momento. Conforme as investigações, ele teria sido morto ao tentar defender o amigo que havia sido ameaçado de morte pela dupla durante o desentendimento. Logo após o crime, os assassinos cruzaram o estado de Santa Catarina em alta velocidade, adentrando no Paraná por volta de 10 horas.

Investigações foram iniciadas e, através de análise de outros dados, identificou-se que o dono do Audi estaria escondido em uma residência na cidade de Curitiba juntamente com mais dois outros homens que também possuiriam mandado de prisão pela prática de crimes contra vida. De posse da informação, efetuou-se contato com a Coordenadoria de Operações Policiais Especiais – COPE do Paraná e foi montada operação para a captura. Chegando ao esconderijo, entretanto, houve confronto e troca de tiros com os policiais civis, resultando na fuga de dois homens (dentre eles, o do dono do Audi) e na prisão de outros dois homens.

Na casa também foram apreendidas cinco armas de fogo, dentre elas, três revólveres, e o veículo utilizado na fuga. O proprietário do Audi, natural de Mato Grosso, foi preso posteriormente, no dia 15 de maio, sendo então trazido de Curitiba para Orleans, onde foi interrogado e encaminhado ao Presídio de Criciúma.

Já o autor dos cinco disparos, que é natural de Curitiba, continuava foragido. Após continuidade nos trabalhos investigativos, ele foi preso por policiais civis de Orleans, juntamente com o apoio de policiais civis da Coordenadoria de Operações Policiais Especiais – COPE do Paraná, no dia 14 de junho. Ele estava escondido em uma chácara na zona rural da cidade de Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba.

Após um mês e oito dias de intensa investigação da Polícia Civil de Orleans, o inquérito policial seguiu concluído para o Poder Judiciário, responsável por promover o devido processo contra os criminosos.

Fonte: Notisul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter