Semana Cultural: programação de aniversário de Orleans é aberta oficialmente

Na cerimônia, foi apresentada também, para a população, a revitalização das Esculturas do Paredão, fruto de parceria entre a Administração Municipal e a Fundação Educacional Barriga Verde – Febave.

O evento contou com a presença do prefeito Jorge Koch, vice-prefeito Mário Coan, o presidente da Febave e reitor do Unibave, Élcio Willemann, o presidente da Câmara de Vereadores, Lucas Canever Librelato, demais vereadores, os diretores do Departamento de Cultura e de Turismo, Annye Bagio e Leomar Brugnara, demais secretários e servidores públicos municipais, além de autoridades, população em geral e familiares do artista Zé Diabo.

“Nós já cumprimos nosso objetivo, que era trazer todos vocês aqui. Estamos felizes. Só a presença de vocês aqui já revitaliza as Esculturas do Paredão, além de levar o nome de Orleans para toda a região em nome dessas obras. Isso é uma riqueza cultural e histórica. Mas isso é só o início da primeira caminhada. Quando vocês voltarem no ano que vem, no aniversário de 105 anos, poderão ver como estará. Não deu tempo ainda, foram apenas sete meses. Vamos fazer com que todos vejam que aqui tem um belo local pronto para receber moradores locais e turistas”, afirmou o prefeito Jorge Koch.

 

  • IMG_0137 (Copy)
 

 

A Banda do Exército e a Associação Coral Hermelina Pfutzenreuter apresentaram-se na solenidade. Luiz Carminati apresentou a história do município e Edina Furlan Rampinelicontou como foi todo o processo para a realização das Esculturas do Paredão, feitas pelo artista José Fernandes, conhecido como Zé Diabo, e que contou com o apoio do Padre João Leonir Dall’Alba.

Em seguida, ela leu uma síntese poética intitulada “Esculturas do Paredão em Poema”. A história contada por ela está sendo registrada em um livro, com previsão de publicação no início do próximo ano, na apresentação da segunda etapa da revitalização do Paredão. A homenagem feita pela professora Edina emocionou os familiares de Zé Diabo, que faleceu recentemente, no dia 21 deste mês, aos 87 anos.

A esposa dele, Eunice Debiase Fernandes, juntamente com os filhos JoelDenise e Fernando Fernandes, foram chamados para receber um ramalhete de flores como forma de reconhecimento pelas obras criadas pelo artista.

Semana Cultural: programação de aniversário de Orleans é aberta oficialmente

Foto: Ketully Beltrame / Sul in Foco

Ao total, nove painéis esculpidos formam o paredão. Cinco deles, do Antigo Testamento: A Criação do Homem, o Sacrifício de Abraão, a Passagem do Mar Vermelho, o Tempo do Rei Salomão e os Profetas. Outros dois representam passagens do Novo Testamento: A Anunciação e o Nascimento de Cristo, este não concluído.

Antes disso, Zé Diabo havia iniciado as esculturas, em 1980, com dois painéis para ensaio: A Primeira Missa no Brasil e A Catequese dos Índios. Os trabalhos experimentais foram realizados para testar como o artista se sairia na realização dos trabalhos. Ao total, soma-se 161 m² esculpidos, sendo que os maiores painéis medem 50 m² e o menor 9 m².

Elcio Willemann destacou, na oportunidade, que a cidade não pode parar e que projetos devem continuar sendo executados. “Precisamos, além deste momento memorável, estabelecer uma pauta positiva, permanente, em prol da manutenção, restauração, revitalização e conclusão do projeto Esculturas do Paredão. Temos aqui um singelo banner onde apresentamos algumas ideias e que tem que ser conduzidas coletivamente. A ideia é transformar esta área em uma área de lazer, recreação, cultura e vivência para o cidadão orleanense e o nosso tão valorizado município. Orleans tem um legado que nenhum outro município tem em Santa Catarina e no Sul do Brasil em função da vasta riqueza cultural e social que possui”, defendeu.

Entre as necessidades estruturais elencadas para o local, estão:

  • Limpeza dos elementos artificiais da encosta do rio;
  • Fechamento da rua para trânsito de veículos;
  • Instalação de mobiliário público;
  • Instalação de academia ao ar livre;
  • Projeto de comunicação visual do ambiente;
  • Construção de decks;
  • Iluminação;
  • Paisagismo.

“A intenção do projeto é destinar o espaço à promoção de atividades lúdicas, recreativas, de lazer e convivência, associando o ambiente acolhedor aos elementos históricos e diretamente ligados à natureza pela característica geográfica, por estar ao lado do rio, além de garantir acesso público e gratuito”, diz o cartaz citado. “A mobilização para transformação do local deve reunir a Febave, poder público e empresas, formando uma corrente pela preservação do espaço e promovendo uma devolutiva social para comunidade”, finaliza.

Um bolo com 104 quilos foi servido aos presentes no evento e apresentações culturais do Grupo de Capoeira Cordão de Ouro e de dança circular do Centro Sociocultural ProArt foram realizadas. A programação de hoje segue com apresentação teatral do Cirquinho do Revirado, do músico Gustavo Godois, às 19h30min, e da dupla Neguinho & Emanuel, às 21h. O Complexo de Eventos Semana Cultural, estrutura montada junto à rodoviária, conta ainda com parque de diversões, brinquedos infláveis e receberá, entre sexta-feira e domingo, o I Festival de Cerveja Artesanal e II Food Truck.

Confira a programação completa neste link:

104 anos de Orleans: vasta programação valoriza o que há de melhor na cidade

Fonte: Sul In Foco

  • IMG_0277 (Copy)

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter