Comarca de Tubarão registra o melhor índice de adoção dos últimos sete anos

A comarca de Tubarão registrou a adoção de 12 crianças e adolescentes - algumas pertencentes a grupos de irmãos - por sete famílias ao longo de 2018, na melhor performance desde 2012. Também por conta disso, o total de adoções realizadas, via Cadastro Único Informatizado de Adoção e Abrigo (CUIDA) e Cadastro Nacional de Adoção (CNA), entre 2009 e 2018, alcançou o número de 79 crianças e adolescentes recebidas por famílias tubaroneses, 23 delas oriundas de cidades não abrangidas pela comarca e até mesmo de fora do Estado.

No mesmo sentido, algumas crianças da comarca foram encaminhadas para outras cidades durante esse período e não estão contabilizadas nesta estatística. Para a psicóloga Leda Pibernat Pereira da Silva, lotada na comarca de Tubarão, uma mudança de mentalidade por parte dos adotantes no que diz respeito ao perfil das crianças e adolescentes que serão adotados contribui para o crescente número. "Há dez anos a maioria das famílias aceitava somente crianças de até três anos e brancas, mas hoje em dia um percentual considerável já cogita adotar crianças de até oito anos e muitas já não fazem restrição quanto à cor/etnia", exemplifica.

A realização de cursos preparatórios para a adoção, que se tornou obrigatório por meio da Lei 12.010/2009, e a maior divulgação sobre o assunto, segundo Leda, também contribuem para a desconstrução de preconceitos. "O tema está sendo gradativamente mais difundido na sociedade, aliado ao maior acesso à informação por parte da população, mas ainda temos um longo caminho pela frente", explica a psicóloga. Atualmente, em Tubarão, são 74 famílias habilitadas para adoção na comarca, que também abrange a cidade de Pedras Grandes.

Algumas destas famílias já se encontram no estágio de convivência, previsto em lei, quando os adotantes e adotados são acompanhados pela equipe psicossocial nos primeiros meses de convivência e adaptação, para posteriormente a adoção ser efetivada. Moradores de Tubarão e Pedras Grandes que desejam iniciar o processo de habilitação para adoção podem procurar o setor de serviço social do Fórum da comarca de Tubarão, localizado na Rua Wenceslau Bráz, 560, bairro Vila Moema. O próximo curso de preparação para adoção acontecerá no mês de março.

Fonte: Portal Engeplus

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter