Obra exige paciência dos motoristas

A Tubarão Saneamento espera concluir, até maio, a primeira etapa das obras de implantação do Sistema de Coleta e Tratamento de Esgoto. Ontem, os motoristas que passaram pela região central, nas pontes Nereu Ramos e Heriberto Hülse, precisaram ter bastante paciência. 

Duas obras simultâneas, nas ruas Lauro Müller e Coronel Collaço, geraram grandes filas no entorno das pontes e na avenida Padre Geraldo Spettmann. O reflexo do trânsito intenso, nos horários de pico, ainda foi sentido nas avenidas Presidente Getúlio Vargas, Marechal Deodoro, José Acácio Moreira, e também na Expedicionário José Pedro Coelho.  

A rua Lauro Müller já tinha passado por obras. Segundo a Tubarão Saneamento, foi preciso retornar ao local por conta de uma intervenção na calçada em uma adutora de 150mm, que seria uma das principais tubulações para o abastecimento de água da região central. 

“Essa tubulação, por ser muito antiga, está interferindo mais do que o previsto na interligação de rede de esgoto do calçadão com a rua Lauro Müller. Para evitar problemas futuros, realizamos uma sondagem para o levantamento de materiais e planejamento. A obra para reparo será realizada em um final de semana, para minimizar o impacto. O trecho será repavimentado, e será mantido o padrão de qualidade esperado”, explica a nota enviada ao DS pela concessionária. 

Ainda de acordo com a Tubarão Saneamento, essa primeira etapa, com obras nos bairros Centro, Recife e Vila Moema, já está 68% concluída. A expectativa é de que essa etapa seja encerrada em maio, dependendo das interferências que podem ser encontradas. Depois, as obras continuam em regiões adjacentes, até atenderem toda a região urbana de Tubarão. No bairro Congonhas, as obras de instalação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) já chegam a 70,9% .

ASFALTO EM ATÉ DEZ DIAS 
Os trabalhos começaram oficialmente em março do ano passado, e contam com mais de R$ 58 milhões em investimentos. Segundo a Tubarão Saneamento, a pavimentação das ruas que recebem as obras deve ser feita em até dez dias após a conclusão dos trabalhos na via. “Esse trabalho depende de diversos fatores: a produção do asfalto é um deles. Dependemos do clima e da quantidade limite para a usina colocar em produção. Além disso, precisamos considerar o fator trânsito. Encontramos situações nas quais a rua que precisa ser pavimentada é a mesma que é alternativa para o desvio de veículos”.

Fonte: Jornal Diário do Sul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter