Migrantes recebem aulas de informática

O projeto “Acolhida ao Migrante”, iniciativa desenvolvida na Unisul, em Tubarão, está em andamento com as atividades de uma nova oficina de informática para pessoas vindas de outros países. A ação atende aos interessados de forma gratuita e busca facilitar a adaptação deles ao Brasil. 

A professora Carla Borba, coordenadora do Acolhida ao Migrante, destaca que o objetivo dessa formação é contribuir para o processo emancipatório dessas pessoas. “Nós queremos facilitar o processo de inserção deles no mercado de trabalho. Então, para que eles consigam dar continuidade a suas vidas, de forma digna, é essencial dominar o idioma local e ter conhecimentos de informática. Com isso, eles podem participar e contribuir também para a nossa comunidade”, acrescenta a professora.

Quem está à frente dessa fase do projeto é a Inclusão Digital da Unisul, por meio do Artigo 171 – Pesquisa e Extensão. Duas acadêmicas bolsistas ministram as aulas, junto a outros voluntários. A coordenadora, professora Silvana Dal Bó, explica que o planejamento dessas atividades começou em 2018. 

“Nós começamos, ainda no ano passado, a fazer algumas ‘aulas-diagnóstico’. Assim, percebemos que o foco de nossas oficinais seriam conteúdos profissionalizantes, e incluímos junto ao ensino do uso da internet e redes sociais o manuseio de ferramentas de texto e planilhas”, diz.

Projeto existe há cinco anos
A iniciativa existe desde 2014 e surgiu de uma parceria com o curso de Relações Internacionais da Unisul. O “Acolhida ao Migrante” busca promover inserção social e integração cultural com a finalidade de proporcionar mais independência aos refugiados e migrantes internacionais que moram na região de Tubarão. O projeto tem como atividade central o ensino da Língua Portuguesa, mas também desenvolve atividades ligadas a integração cultural e esportes, ao mundo do trabalho, assessoria jurídica e atendimentos na área da saúde. Essas ações envolvem a participação de professores e alunos da Unisul, além da comunidade externa.

Fonte: Jornal Diário do Sul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter