Aeroporto propõe acordo com Latam

Os voos da empresa aérea Latam no Aeroporto Regional Humberto Ghizzo Bortoluzzi, de Jaguaruna, devem se manter suspensos, por enquanto, até o dia 26 de abril. Pelo menos foi este o prazo que a empresa pediu à RDL – empresa que administra o aeroporto –  e ao governo do Estado para dar uma resposta ao acordo formalizado ontem. 

Ontem, a informação era de que os voos estariam suspensos até o dia 1º de maio. A informação foi repassada pela companhia, que não quer operar no terminal enquanto o Serviço de Prevenção, Salvamento e Combate a Incêndio (Sescinc) não for retomado. Ainda na tarde de ontem, Latam, governo do Estado e RDL se reuniram para buscar uma solução para o impasse.

De acordo com o diretor comercial da RDL, André Constanzo, o governo disponibilizou o efetivo do Corpo de Bombeiros, além de arcar com as despesas para o curso de atualização, que está sendo uma das exigências da Latam. Na proposta formal enviada à empresa, a RDL, com o apoio do governo do Estado, diz que estão incluídas as exigências feitas pela Latam. 

“Na realidade, segundo a Anac, estamos 100% dentro do que é exigido, e, pelo Sescinc, está pendente esta atualização dos bombeiros. A Latam alega que possui um regime interno de condutas que precisa respeitar, inclusive por suas alianças internacionais. Então, firmamos este acordo, que agora será revisto pela empresa. Segundo a direção, até o dia 26 será passada uma posição, que deverá ser de retorno dos voos. E eu acredito que pode acontecer ainda antes desta data”, diz André.

Segundo ele, o aeroporto conta com o corpo efetivo do Corpo de Bombeiros no local e todas as operações de segurança, faltando apenas estas atualizações exigidas pela Latam. “Mas estamos, inclusive, dentro das exigências de segurança da Anac para o funcionamento. Porém, agora, com este acordo firmado, mesmo que o curso de atualização demore um pouco mais de tempo para ser concluído – algo em torno de 60 dias –, as operações devem ser normalizadas até semana que vem”, conclui o diretor da RDL.

Corpo de Bombeiros

O presidente da Acit (Associação Empresarial de Tubarão), Edson Martins Antônio, acrescentou ainda que, segundo o Corpo de Bombeiros de Tubarão, “ficaram autorizadas também melhorias no setor e no entorno do aeroporto, atendendo às normas da Anac. Estima-se um investimento de R$ 3 milhões. Ontem, o comandante de Tubarão, major Diogo, foi a Florianópolis iniciar as tratativas para a contratação da empresa que fará os cursos, bem como para tratar de todas as demandas necessárias para restaurar o atendimento dos bombeiros dentro das normas”, conta.

Fonte: Jornal Diário do Sul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter