Obras de instalação do SAER seguem em ritmo acelerado

As obras de adaptação do espaço que irá abrigar o Serviço Aeropolicial (SAER) em Criciúma seguem em ritmo acelerado. Os trabalhos estão concentrados na concretagem da pista de pouso, construção de um mezanino no interior do pavilhão e transposição da rede elétrica da Celesc para o outro lado da rodovia. O Governo do Estado pretende dar início ao serviço em até 60 dias.

De acordo como secretário Executivo da Agência de Desenvolvimento Regional de Criciúma, João Rosa Filho Fabris, para a vinda do SAER foi necessário o aporte de R$ 230 mil para a reforma do espaço que abrigará o helicóptero, 16 colaboradores, funções administrativas e alojamento para as duas equipes de pilotos e policiais que funcionará 24 horas.

Os recursos foram captados com ajuda da iniciativa privada que fez a doação de toda a construção do heliporto, portão, materiais de iluminação, entre outros. “A reforma teve um custo relativamente alto e para isso seria necessário uma licitação o que dificultaria e atrasaria ainda mais a vinda do SAER para a nossa região. Sabemos da urgência da instalação deste serviço então buscamos a parceria com algumas empresas que prontamente se dispuseram a nos ajudar”, explica Fabris.

O SAER funcionará no antigo pavilhão de vistoria veicular na SC 446 – Rodovia José Spíllere em Rio Maina e dará suporte para atendimento às ocorrências policiais e de emergência, além de atender a Defesa Civil e transporte de órgãos em todo o sul do Estado.  Entre os apoiadores estão, Setep, ACIC, CDL, Coopera Forquilhinha, Engenharia Castanhel, Ferragens Giassi, Celesc, Construtora Vitória, Bairro da Juventude e Anjo Química. 

Santa Catarina terá total cobertura Aeropolicial

O Sul do estado era a única região a não contar com uma estrutura de socorro aéreo. Todas as outras regiões já foram contempladas com o serviço. De acordo com o secretário de Estado da Segurança Pública, César Augusto Grubba, além do helicóptero, oito policiais com diferentes técnicas e armamento pesado vão fazer parte do atendimento da base. “Esta base aérea em Criciúma vai completar a cobertura do Serviço Aeropolicial já existente em outras regiões do Estado”, finalizou Grubba.

Hoje a Polícia Civil conta com dois helicópteros atuando no socorro aéreo. Um baseado no Serviço de Fronteira, o SEARFRON e outra na Capital. “Com esta nova estrutura no Sul, hoje todas as regiões do Estado contam com serviço de socorro aéreo”, comenta o Delegado Geral da Polícia Civil, Artur Nitz. 

Fotos: Paula Darós Darolt/Imprensa SDR Criciúma

Fonte: Imprensa SDR Criciúma

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter