Homem que aterroriza ex com vodu seguirá preso

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) negou habeas corpus a um homem preso, suspeito de agredir a ex-companheira e ter descumprido duas vezes medidas cautelares asseguradas a ela. Segundo o TJSC, ele fez também uma boneca de vodu contra a vítima.

O caso tramita em segredo de Justiça. No entanto, o tribunal confirmou que o homem está preso preventivamente desde o dia 9 de abril, em Tubarão, e a soltura foi negada. O crime aconteceu no dia 4 de março, e, de acordo com o TJSC, a mulher foi ferida nos dedos ao tentar se defender de uma facada. O homem foi até o trabalho dela para questionar onde estivera durante o final de semana.

Na sequência, em 7 de março, no portão de casa dela foi colocada uma boneca vodu, com alfinetes cravados pelo corpo. Segundo o Justiça, entre as ameaças psicológicas, a mulher recebeu um telefonema em que o homem teria dito: “Ficaremos juntos nem que tenha de ser no inferno”.

Em 13 de março, a Justiça concedeu medidas protetivas de afastamento da vítima, que foram desrespeitadas em 14 de março e 1º de abril. Com isso, foi determinada a prisão do homem. A defesa chegou a dizer que o homem tinha bons antecedentes, e que a prisão era desproporcional. Entretanto, a Justiça entendeu que a segregação é a medida essencial neste caso, pelo “evidente risco a que está submetida a vítima se mantida a liberdade daquele”.

Fonte: Jornal Diário do Sul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter