Laudo confirma traumatismo craniano como causa da morte

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou como traumatismo craniano a causa da morte de Eronita Freitas da Silva, de 47 anos. O corpo de Eronita foi encontrado na manhã de terça-feira, boiando no rio Tubarão, próximo à ponte do bairro Morrotes. 

Segundo o delegado responsável pelo caso, Rubem Teston, as investigações continuam para tentar descobrir o que teria motivado a morte, tratada pela polícia como homicídio. Próximo do local onde o corpo da vítima estava, foi encontrado um pedaço de madeira suja de sangue.

“Acreditamos que o traumatismo tenha sido causado por um golpe deste pedaço de madeira. Mas ainda não podemos falar mais sobre o caso, que está sendo investigado e continua sendo tratado como homicídio”, informou o delegado. Eronita era natural do Rio Grande do Sul, mas morava em Tubarão.

Fonte: Jornal Diário do Sul

A Meu SUL surgiu em 2008 e, durante oito anos, circulou na região sul como revista. Em 2016, Meu SUL renasce como um portal de notícias cujo objetivo é levar até você informação com a credibilidade que já era encontrada nas páginas da revista. A WebTV Meu SUL também é uma novidade. Acompanhe-nos através de nossos canais e fique por dentro de tudo que acontece na região!

Av. Getulio Vargas, 504. Ap 101. Centro
CEP: 88.750-000 - Braço do Norte - SC

Telefone: +55 (48) 3658-0092

Email: [email protected]

Newsletter